Manutenção Preventiva – Como aproveitar ao máximo o suporte técnico?

Equipamentos, Mercado

Faça a manutenção preventiva em procedimentos programados e mantenha esse cronograma em dia. Este hábito é fundamental para evitar paradas na linha de produção, prever problemas, evitar desgaste do equipamento e minimizar impactos em toda a cadeia produtiva.

Sabemos que a visita de um técnico, seja para suporte ou instalação de equipamentos, são só dois dos motivos que levam a necessidade desse chamado especializado in loco. Reparos urgentes e em caráter de emergência são outras situações onde se faz necessário chamar um técnico para ir até a fábrica.

Independentemente de se  fazer manutenção preventiva ou corretiva, é de suma importância aproveitar ao máximo a presença desse especialista na sua fábrica. A visita será muito mais produtiva se você souber aproveitar para ir além do reparo e aprender com a troca de informações. 

Assim, sugerimos a seguir como fazer deste um momento potencialmente proveitoso. 

Três passos para aproveitar ao máximo a Manutenção Preventiva

Planejamento Prévio

O primeiro passo é o planejamento da visita. Organize tudo de forma que seus colaboradores e operadores da máquina em questão, estejam presentes na hora da manutenção. Oriente para que o seu pessoal anote as dúvidas e, quando o técnico especialista chegar à fábrica, ou em algum momento da visita, se promova um espaço para que o mesmo responda. Desse modo além do reparo será proporcionado um ótimo momento para troca de informação e aprendizado, otimizando o tempo.

Faça uma previsão de quanto tempo irá precisar para acompanhar a vista e assim organizar esse momento de maneira cronológica.

Antes da chegada do técnico à fábrica, organize todas as informações do histórico da máquina.

  • Data da compra;
  • Histórico de outras manutenções (se houver);
  • Se for a primeira, tenha em mãos os termos de uso;
  • Otimização que possivelmente possam ter sido feitas;
  • Especialidades técnicas;
  • Entre outras.

Defina também, de maneira clara e objetiva, suas expectativas com relação ao reparo ou impressões sobre a manutenção preventiva. Isso pode garantir que o técnico consiga atender com mais assertividade suas necessidades, além de economizar tempo para ser usado nas instruções à equipe.

Toda informação que o técnico recebe se torna registro no documento que ele monta sobre o atendimento ao equipamento; que certamente será útil em visitas futuras.

Uma simples preparação pode gerar otimização de tempo e recursos para resolver o problema. Existem estudos que apontam uma redução de até 40% no valor da hora da visita. 

Reserve um espaço para que o técnico se organize e tenha um ponto de apoio para suas ferramentas. E claro, o equipamento em questão, deve estar pronto apenas esperando para o técnico começar o serviço.

Acompanhamento  durante a Visita

Uma boa comunicação é a chave do sucesso em muitas situações; aqui não é diferente. Quando a equipe de manutenção e os operadores das máquinas trocam informações e experiências, o trabalho se torna mais eficiente e a vista mais proveitosa. Afinal, quem melhor que eles entendem do funcionamento e problemas das máquinas, não é mesmo?

Tenha um especialista da fábrica para receber o técnico do suporte, para explicar o funcionamento da fábrica. Medidas de segurança, localização das máquinas, enfim, um panorama geral para deixar o técnico da manutenção preventiva familiarizado e à vontade para trabalhar. 

Nesse momento, de reconhecimento do local algumas informações do passo anterior já podem ser passadas para o técnico. Assim, quando ele chegar ao local da manutenção, irá realizar seu trabalho com eficiência economizando o tempo de “perguntas diagnósticas”.

Compartilhar experiências e informações técnicas entre profissionais otimiza tempo que se reflete em receita.

Avaliação e Feedback – pós visita

Dentro de um mês mais ou menos mantenha contato e faça uma avaliação do serviço de manutenção preventiva realizado pelo técnico. Entretanto, esse tempo de um mês é variável. Então, vale a pena avaliar o tempo de resposta caso a caso. 

A comunicação é a chave mestra para o sucesso. Essa premissa é válida em todas as etapas e não somente durante a visita técnica.

O feedback, independentemente se positivo ou negativo, retroalimenta a eficiência e as melhorias de uma prestação de serviço.

Expressar satisfação ou insatisfação faz parte desse ciclo colaborativo com o objetivo sempre de melhorar. Informar sobre o funcionamento do equipamento e tirar novas dúvidas que surjam, também faz.

Algumas empresas têm como prática enviar um questionário de satisfação. Se você receber um desse, responda! Certamente este é um excelente canal para trocar experiências, aproveite.

Fonte da imagem – unrecognizable-male-plumber-standing-near-kitchen-sink-showing-thumb-up

Publicado em 28 janeiro de 2021

Open chat
Fale com um especialista
Olá, Podemos Ajudar?